Professoras e poetisas gonçalenses levam 1º e 2º lugares em concurso mexicano de trovas

Maria Amélia Baptista Mérida e Ângela Carreiro Moreira Pacheco são membros da União Brasileira de Trovadores de São Gonçalo

Por O Dia

Maria Amélia e Ângela Carreiro
Maria Amélia e Ângela Carreiro -
SÃO GONÇALO - As professoras, poetisas e trovadoras Maria Amélia Baptista Mérida e Ângela Carreiro Moreira Pacheco ficaram respectivamente em primeiro e em segundo lugar na edição 2020 do Concurso Internacional de Trovas Clássicas da OMT México. As duas são membros da União Brasileira de Trovadores de São Gonçalo. Nos agradecimentos, a campeã mencionou os colegas trovadores Zé Salvador, Mariângela Tavares e Fátima Daniel como incentivadores e inspiradores na arte com as palavras e rimas. 

Ambas também estão disputando concursos de trovas em outros países, como Equador e China. "E continuamos concorrendo como 'novos trovadores', porque só passaremos a 'veteranas' quando tivermos três títulos nacionais", conta Ângela. O concurso mexicano aconteceu de 31/08 a 10/09 e o resultado foi divulgado neste fim de semana.

Comentários