Policial militar é baleado em Itaboraí

Da noite de domingo à tarde desta segunda, outros dois PMs foram baleados e morreram

Por O Dia

PM de Itaboraí foi atacado no distrito de Itambi
PM de Itaboraí foi atacado no distrito de Itambi -
Rio - Um policial militar foi baleado, no início da noite desta segunda-feira, em Itambi, Itaboraí, na Região Metropolitana do estado. De acordo com a PM, durante um patrulhamento na Rua 12, agentes tentaram abordar três suspeitos. Um criminoso pulou o muro de uma casa e atirou em direção ao policial. Foi quando o soldado Cosmo foi atingido de raspão no pescoço.
O PM, que é lotado no 35º BPM (Itaboraí), foi socorrido no Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no Colubandê, em São Gonçalo. Depois de receber atendimento, ele saiu andando da unidade de saúde. Os criminosos conseguiram fugir.
Em um vídeo que circula na Internet é possível ouvir disparos na região do ataque; confira!
2 MORTOS EM 24H
Da noite de domingo à tarde desta segunda, dois policiais militares foram baleados e morreram. No caso mais recente, o cabo Fábio de Souza Ferreira, de 40 anos, foi atingido durante uma operação no Morro da Torre, em Queimados, Baixada Fluminense. Ele, que era lotado no 24º BPM (Queimados), foi atingido na barriga, levado ao Hospital Geral de Nova Iguaçu (Posse), mas não resistiu aos ferimentos.
No caso de domingo, o sargento da reserva Renato Flaubert Rodrigues de Freitas, 42, estava fechando seu bar, na Avenida Leandro da Mota, no bairro Chacrinha, em Duque de Caxias, também na Baixada, quando sofreu uma tentativa de assalto por dois homens que chegaram ao local de moto. Ele reagiu e foi atingido no peito e na perna. O militar foi socorrido no Hospital Doutor Moacyr do Carmo, mas também não resistiu.
RECOMPENSA
O Disque Denúncia informou que está oferecendo uma recompensa de R$ 5 mil para quem der informações que levem à prisão os envolvidos nas mortes dos PMs. Quem tiver qualquer informação pode entrar em contato através dos seguintes canais: WhatsApp ou Telegram do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099; Disque Denúncia: (21) 2253-1177; Facebook/(inbox): www.facebook.com/procurados.org/; ou ainda pelo aplicativo "Disque Denúncia RJ".

A entidade avisa que todas as informações que receber serão encaminhadas à Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), responsável pelas investigações.
Recompensa oferecida é de R$ 5 mil - Divulgação / Disque Denúncia

Galeria de Fotos

PM de Itaboraí foi atacado no distrito de Itambi Reprodução / Internet
Recompensa oferecida é de R$ 5 mil Divulgação / Disque Denúncia

Comentários