Itália passa de 7.500 mortes por coronavírus

Número de vítimas fatais nesta quarta-feira diminuiu em relação a terça

Por O Dia

A Itália superou a China é o país com mais mortes por coronavírus durante a pandemia
A Itália superou a China é o país com mais mortes por coronavírus durante a pandemia -
Roma - À espera do fim do pico do surto do novo coronavírus, a Itália contabilizou mais 683 mortes nesta quarta-feira, segundo a Agência de Proteção Civil do país, e alcançou 7.503 vítimas fatais desde o início da pandemia. O número em 24h, pelo menos, foi inferior ao de terça-feira (743 óbitos).
Ao todo, a Itália está com 74.386 casos de pessoas confirmadas com coronavírus. Quem está com suspeita da doença é o chefe da Agência de Proteção, Angelo Borrelli, que apresentou febre e passou por exame.
O recorde de mortes por coronavírus na Itália é do último sábado, com 793 mortes. No domingo foram 650 e na segunda-feira, 602.
Ainda segundo a agência italiana, 9.362 pacientes se recuperaram totalmente do coronavírus nesta quarta-feira, número superior aos 8.326 de terça. Entretanto, os casos de pessoas em tratamento intensivo aumentaram de 3.396 para 3.489.
*Com informações da Agência Brasil
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários