Vasco decide rescindir contrato com Guarín: 'Chegamos no limite'

Jogador pediu liberação do clube duas vezes, mas não resolveu os problemas pessoais

Por O Dia

Um dos queridinhos da torcida, Guarín, já está apto para jogar
Um dos queridinhos da torcida, Guarín, já está apto para jogar -
Rio - Fredy Guarín pode dar adeus ao Vasco da Gama ainda nesta quarta-feira. Alexandre Campello, presidente do Vasco, revelou ao "Globoesporte.com" que está trabalhando para rescisão contratual do volante colombiano
"Vamos partir para a rescisão. Posso te dizer que estamos negociando (a rescisão), Guarín não conseguiu resolver problemas pessoais dele", afirmou.
O mandatário disse que o clube já liberou o meia duas vezes para ir à Colômbia resolver problemas pessoais e que o Vasco deu todo amparo ao atleta. No entanto, poucos dias antes do início do Campeonato Brasileiro e a situação é a mesma, a rescisão é vista como o único caminho.
"Esperamos até onde entendemos que é possível, respeitando o problema do jogador, entendendo a importância dele e a nossa vontade de contar com ele, mas chegou no limite. O clube tem sido parceiro do jogador, o jogador esteve sempre negociado e falado com o clube. A gente tentou, deu todas as chances para que pudesse resolver, mas não foi possível ", encerrou.
Guarín chegou ao Vasco em outubro de 2019, temporada na qual ele atuou em 12 oportunidades e marcou três vezes. O vínculo do jogador com o clube vai até o dia 26 de setembro de 2021.

Comentários