Vasco fecha acordo e reduz tempo de contrato com Centro de Treinamento

A dívida total era de cerca de R$ 600 mil

Por Lance

Recém-promovido da base, Talles Magno tem ganhado espaço com Vanderlei Luxemburgo
Recém-promovido da base, Talles Magno tem ganhado espaço com Vanderlei Luxemburgo -
Rio - O projeto do novo Centro de Treinamento deixou a diretoria do Vasco animada. Pensando nisso, e com a previsão de que dois campos fiquem prontos no primeiro semestre de 2020, o Cruz-Maltino chegou a um acordo com o proprietário do CT do Almirante, Evandro Ferreira.

Antes, o vínculo era válido até dezembro do próximo ano. Agora, será até junho. O empresário havia notificado judicialmente o clube da Colina com a acusação de inadimplência. A dívida total era de cerca de R$ 600 mil. Após a notificação, o Vasco pagou cerca de R$ 200 mil. Por outro lado, o clube contestou parte do valor devido por conta do período de cerca de 50 dias em que o CT ficou fechado por falta de alvará.

"Em relação ao CT do Almirante, já houve um entendimento com o Evandro. Na segunda-feira estaremos assinando um novo contrato, onde dá tratamento a essa dívida, a esses acertos, e ele entendeu perfeitamente. Hoje a relação com ele é muito boa", disse Campello após a inauguração do projeto do CT.

Atualmente, o Vasco paga mensalmente algo em torno de R$ 120 a R$ 150 mil. Ou seja, com a construção do novo CT, o clube terá uma economia de cerca de R$ 1,8 milhão anuais.

Comentários