Vasco lança projeto com detalhes da 'vaquinha' online para erguer CT

Primeira fase da obra custará R$ 6 milhões e cotas para doação variam entre R$ 10 e R$ 5 milhões

Por O Dia

O Vasco apresentou o projeto com detalhes do futuro CT
O Vasco apresentou o projeto com detalhes do futuro CT -
Rio - Com orgulho da participação de sua torcida na construção de São Januário, o Vasco, 92 anos depois da inauguração do estádio, volta a recorrer ao apoio dos vascaínos para construir o sonhando Centro de Treinamentos, no terreno cedido pela Prefeitura do Rio na Barra da Tijuca. Em evento realizado ontem na Barra, o clube apresentou o projeto para a captação de recursos no sistema de 'crowdfunding', a famosa vaquinha online.
A doação coletiva possui cotas para todos os bolsos, com benefícios em contrapartida de acordo com o valor depositado, entre R$ 15 a R$ 5 milhões, através do endereço 'www.kickante.com.br/vasco'. A contribuição miníma é partir de R$ 10.
A obra orçada em R$ 6 milhões será dividida em quatro etapas: terraplanagens e serviços técnicos (R$ 2 milhões), campo 1 e muros (R$ 1,5 milhão), campo 2 e adjacências (R$ 1,5 milhão) e (edificações do futebol profissional (R$ 1 milhão). Otimista, a diretoria do Vasco trabalha com a hipótese de conclusão da fase inicial no primeiro semestre de 2020, com dois campos construídos e uma estrutura provisória para receber os treinos da equipe principal.
Em dificuldade financeira, o Vasco está com o aluguel em atraso no CT do Almirante, de propriedade do empresário Evandro Ferreira, que tenta retomar o espaço antes do fim do contrato. O clube quitou apenas parte da dívida.
O espaço que abrigará o novo CT possui 80 mil metros e prevê a criação de seis campos e um mini estádio, com cerca de 2 mil lugares, além de um prédio para receber toda a estrutura do futebol, com vestiários, departamento médico, academia, alojamentos e estacionamento.

Comentários