Fifa aponta média de Bruno Henrique superior a de Bolt em recorde mundial

Camisa 27 foi o segundo jogador do Flamengo a aparecer na lista de jogadores mais rápidos do mundo

Por O Dia

Flamengo está em vantagem contra o Internacional na Libertadores
Flamengo está em vantagem contra o Internacional na Libertadores -
Rio -  A semana de Bruno Henrique, como o próprio jogador mesmo disse, foi a melhor de sua carreira profissional. Além da convocação para a seleção brasileira, um gol contra o Vasco, dois diante do Internacional pelas quartas da Libertadores, o camisa 27 foi eleito pela Fifa, o jogador mais rápido do mundo.
Bruno Henrique alcançou 38 km/h durante o jogo contra o Inter e quebrou o recorde que era de Gareth Bale, do Real Madrid, que já chegou a 36,9 km/h. O maior atleta dos últimos tempos do atletismo, Usain Bolt, alcançou 44,72 km/h na prova em que fez 100m em 9,58s e estabeleceu o recorde mundial. Mas sua média foi de 37,58 km/h, pouco abaixo da marca alcançada pelo atacante rubro-negro.
Porém, há controvérsia. Segundo o Centro de Excelência em Performance do Flamengo (CEP), a maior velocidade alcançada por Bruno Henrique foi de 34 km/h - e não 38 km/h. 
Outro nome favorito para ser o mais rápido do mundo é o jovem craque francês, Kylian Mbappé, do Paris Saint-Germain, que alcançou a velocidade de 38 km/h na temporada 2019-19, em uma partida contra o Monaco e nas oitavas de final da Copa do Mundo de 2018, no duelo entre França e Argentina.
Bruno Henrique é o segundo jogador do Flamengo a entrar na lista dos jogadores mais rápidos do mundo. Segundo um estudo feito pelo Pachuca, Orlando Berrío aparece entre o líderes do quesito depois de ter chegado a 36 km/h com a bola nos pés.
 

Comentários