Biel: "Ganhava R$ 500 mil por mês"

Em conversa exclusiva com a coluna, Biel revela detalhes de sua nova turnê e fala do recomeço da carreira: "A vida é uma roda gigante"

Por O Dia

Biel
Biel -

Biel está de volta ao Brasil para retomar sua carreira praticamente do zero. Depois de muitos meses morando nos EUA para se afastar da polêmica de assédio que se envolveu em 2016, e de uma separação totalmente conturbada, ele começa a dar os primeiros passos em busca do sucesso. Biel desembarcou em solo brasileiro neste fim de semana, para dar início à turnê 'Phoenix', nome que se encaixa perfeitamente com a atual fase do cantor.

"A vida é feita de altos e baixos. É uma roda gigante. E a humildade que a gente tem quando está embaixo é o que diz se a gente vai poder voltar ao topo. Eu estou passando pelo primeiro baixo da minha vida. Hoje já estou muito melhor do que eu já me encontrei há poucos meses atrás", disse ele sobre o recomeço.

Quando questionado sobre a vida que ostentava quando ainda estava no auge, ele não poupou detalhes. "Já fui muito rico. Eu tinha R$ 500 mil só de carros na garagem. Fiz shows por até R$ 100 mil. Já coloquei minha música em filme e novelas. Eu fiz muito dinheiro. Ganhava R$ 500 mil por mês. Tinha uma vida que era de invejar qualquer um. Tenho até hoje, mas quem banca são os seguidores, os números. Estou na balada e estou fazendo dinheiro, nunca só curtindo. Mas agora, com a retomada da carreira, com as músicas voltando, já estou encontrando uma estabilidade maior."

Biel revela ainda que precisou passar por toda turbulência que o afastou dos palcos para amadurecer. "Precisou acontecer tudo aquilo, porque foi ali que eu pude me fechar comigo mesmo e ter noção do que estava acontecendo, para ver o que o Gabriel, por dentro do Biel, iria ter que fazer para colocar o trem no trilho de novo."

A turnê 'Phoenix' começa em novembro e deve permanecer no Brasil até o fim do mês. Em dezembro Biel já está de volta aos Estados Unidos para dar prosseguimento a produção do clipe de seu primeiro single em espanhol, em parceria com o colombiano Reyaon, que será lançado no próximo dia 7, durante a turnê.

Últimas de Leo Dias