Vídeo: Após polêmicas, Daniela Mercury convoca Anitta para aderir ao movimento #EleNão contra Jair Bolsonaro

Poderosa tem sido duramente criticada por mulheres e pelo público LGBT por não assumir publicamente ser a favor da tag

Por O Dia

Daniela Mercury
Daniela Mercury -

Daniela Mercury publicou na tarde de hoje, em seu Instagram, um vídeo convocando mulheres de todo o Brasil para ir às ruas protestar contra a candidatura de Jair Bolsonaro à presidência, através da tag #EleNão. O que chama atenção nas imagens é o fato da cantora também ter feito um convite direcionando diretamente à Anitta, que recentemente tem sido alvo de polêmicas por não ter assumido publicamente ser a favor do movimento já aderido por famosas como Deborah Secco, Bruna Marquezine, Kéfera Buchmann, e até algumas celebridades internacionais como Dualipa. Anitta chegou a afirmar em um dos seus shows que não era a favor da candidatura de Bolsonaro, e alegou que não era através de uma tag que ela demonstraria isso, e sim através de todo o seu trabalho que vem realizando desde o início de sua carreira. No entanto, mulheres e integrantes do movimento LGBT exigem que a cantora tome sim uma posição em relação ao #EleNão. Será que agora finalmente Anitta vai ceder e levantar a bandeira?

Confira o vídeo de Daniela Mercury abaixo:

Anitta cede

Após ser intimada por Daniela Mercury, Anitta publicou um vídeo em seu Instagram aceitando o desafio do movimento #EleNão. Ela explicou o motivo pelo qual não havia se posicionado até agora e ainda seguiu com o desafio e convocou Cláudia Leitte, Preta Gil e Ivete Sangalo. Confira o vídeo de Anitta abaixo: 

Últimas de Leo Dias