Governo Trump relata Huawei e ZTE como ameaças

Documento de órgão regulador indica que empresas chinesas oferecem riscos

Por Marco Sá

A Huawei é uma das principais fabricantes de smartphones do mundo
A Huawei é uma das principais fabricantes de smartphones do mundo -
As gigantes de tecnologia chinesas Huawei e ZTE foram classificadas em declaração oficial da Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês) como ameaças à segurança nacional.

De acordo com o Departamento de Segurança Pública e Segurança Interna da FCC, o fundo de serviço universal de US $ 8,3 bilhões não poderá ser usado para aquisição ou manutenção de equipamentos fornecidos pelas duas empresas.

Em novembro de 2019, a FCC já havia adotado uma restrição, mas a designação definitiva veio recentemente, levando em consideração as evidências levantadas pelo governo dos Estados Unidos.

“Com base no peso esmagador de evidências, o Bureau designou a Huawei e a ZTE como riscos de segurança nacional para as redes de comunicações americanas e para o nosso futuro 5G “, disse o presidente da FCC, Ajit Pai. Segundo ele, “ambas as empresas têm laços estreitos com o Partido Comunista Chinês e o aparato militar da China”.

A Huawei já tinha sido alvo do governo norte-americano, na semana passada, em lista que incluía 20 companhias chinesas acusadas de serem apoiadas pelo Exército Popular de Libertação.

Comentários