Kawasaki aumenta prazo para revisões e limite de quilometragem na quarentena

Por IG - Carros

Kawasaki está prezando pela segurança de seus clientes no período crítico da pandemiaDivulgação

Depois de diversas fabricantes anunciarem a prorrogação da quarentena de suas fábricas, entre outras medidas protetivas devido ao coronavírus, a Kawasaki do Brasil anunciou que irá flexibilizar prazos e a quilometragem limite para realização das revisões indicadas no Manual do Proprietário, para até 30 de junho de 2020. A montadora apontou os seguintes critérios a serem seguidos:

Para flexibilizar as alternativas a serem seguidas por seus clientes, a Kawasaki optou por estender prazos das revisões por tempo e por quilometragem. Em relação ao primeiro fator, a tolerância aumenta de 180 dias para 240 dias após a última revisão da motocicleta, mudando de 6 meses para 8 meses.

As revisões por quilometragem, por sua vez, terão sua tolerância estendida em 500km. Exemplo: Para as revisões de 1.000 km (1ª revisão), a tolerância de 1.100 km passará para 1.600 km. Para as revisões de 3.000 km (2ª revisão), a tolerância de 3.300 km passará para até 3.800 km. Para as revisões de 6.000 km (3ª revisão), a tolerância de 6.600 km passará para até 7.100 km.

BMW Motorrad estende prazo de garantia por 30 dias 

BMW também adotou medidas restritivas no combate ao coronavírus, e fornece benefícios aos seus clientesDivulgação

A pandemia do novo Covid-19 também fez com que montadoras prolongassem prazos de garantia dos veículos, para, principalmente, evitar aglomerações em oficinas e impedir que os clientes percam as garantias. A divisão de motos da marca alemã adotou a medida de aumento de prazo de garantia em 30 dias.

Segundo a empresa, a determinação também é válida para os carros da BMW e da Mini, para quais a marca, assim como a Kawasaki, também adotará tolerância para realização de manutenções. O prazo da BMW, por sua vez, é de 30 dias ou 1200km, contados a partir do sistema do registro de quilometragem do veículo.

Comentários