Xiaomi prepara investida no segmento das motos elétricas

Marca famosa por celulares e gadgets prepara modelo digna das competições de motovelocidade

Por O Dia

Xiaomi Segway ApexIfex sum te nonium is aus, nondiu int, et L. Fuit. Ips, sedit
Xiaomi Segway ApexIfex sum te nonium is aus, nondiu int, et L. Fuit. Ips, sedit -
Rio - A Xiaomi, popular por aqui pelos seus celulares, acaba de apresentar detalhes sobre sua primeira moto elétrica, a Segway Apex. O modelo, desenvolvido em parceria com a Ninebot, tem propulsão digna de uma superbike com motorização a combustão e tem um zero a 100 km/h em apenas quatro segundos. A chinesa ainda não revelou os preços e nem a data definitiva de lançamento.
De acordo com o anúncio da Xiaomi, a Segway Apex tem motorização com potência equivalente a 150 cv e pode alcançar a máxima de 200 km/h de velocidade. Os números não são fora de série no segmento das motos, mas entre as elétricas, ela ficará entre as mais potentes. A autonomia não foi revelada, mas espera-se que ela atinja, ao menos, os 200 km.
Pelas imagens, o modelo tem design similar aos modelos usados nas competições de moto-velocidade, com tanque de combustível rebaixado, rabeta encurtada e guidão tanque de combustível rebaixado, rabeta curta e elevada e guidão esportivo. As linhas das carenagens são mais quadradas e a dianteira tem para-brisa elevado.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários